quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Resenha - Estilhaça-me



Sempre gostei de livros com personagens que tenham poderes ou dons e quando a história ainda vem acompanhada de muito ROMANCE, um mocinho fofo e um vilão instigante, não tem como não AMAR !!! Estilhaça-me definitivamente entrou para os meus favoritos. 

Foto: Amanda


  



O livro é narrado na primeira pessoa, pela mocinha Juliette. Juliette nunca teve uma vida fácil porque seu poder na verdade é uma maldição. Ela foi trancada sozinha a muito tempo e o único jeito que encontrou para não enlouquecer, foi escrevendo em seu diário .


Tenho uma maldição, tenho um dom. Sou um monstro, sou sobre-humana. Meu toque é letal, meu toque é poder. Sou a arma deles, lutarei contra eles.”


Esse livro é uma distopia, e como toda distopia nos leva a pensar em como seria difícil viver a realidade dos personagens, na verdade para mim seria impossível viver como Juliette, uma jovem privada de sua liberdade e da possibilidade de ter uma vida de verdade.


“Estou aprisionada há 264 dias. Não tenho nada senão um caderno e uma caneta quebrada e os números na cabeça para me fazer companhia.Uma janela. Quatro paredes. Espaço de 1,48m². Vinte e seis letras de um alfabeto do qual não fiz uso em 264 dias de isolamento. ”

Foto: Amanda


Então ela conhece Adam, outro jovem que como ela também está isolado, mas isso é estranho e Juliette se questiona porque os deixaram presos juntos, já que ela é considerada tão perigosa. E Meu Deus, Adam! O que falar sobre ele , O.M.G!!!



“Seus braços são tatuados até os cotovelos. Na sobrancelha falta-lhe uma argola, que eles devem ter confiscado. Olhos azul-escuros,  cabelos castanho-escuros, linha da mandíbula definida, físico forte e magro. Deslumbrante. Perigoso. Aterrorizante. Horrível.”



Se têm algo que amei na escrita da autora Tahereh Mafi, é o fato dela nos dar detalhes minuciosos sobre os seus personagens, sem mencionar que ela tem um ótimo gosto (rsrs). Não se espantem com as frases tachadas e palavras repetidas, não foram erros na edição do livro, mas sim uma inovação da autora. Tahereh é um autora incrível!



Foto: Amanda


Também somos apresentadas a um vilão, que nos deixa em alguns momentos chocadas com tanta frieza e obsessão, Warner juntamente com seu pai são os líderes do Restabelecimento - um tipo de governo que tomou para si a responsabilidade de reconstruir o mundo e transforma-lo em algo “melhor”, porém as atitudes drásticas tomadas por eles pareciam acabar mais com o que restou da população - digamos que os donos do pedaço. Warner tem como eu já disse, uma obsessão e ela se chama: Juliette.


“Não quero que você me odeie- diz Warner enquanto seguimos pelo caminho rumo ao elevador. - Sou apenas seu inimigo porque você quer que eu seja.”



Fica difícil falar sobre ele sem dar algum spoiler do segundo livro da trilogia (logo resenha aqui no blog ) Liberta-me.


Estilhaça-me é um livro dinâmico, envolvente e cheio de revelações, leitura mais do que recomendada. O segundo volume da trilogia já foi lançado e o terceiro tem previsão para este ano. A autora ainda nos presenteou com dois contos, um contado por Warner – Destrua-me (já disponível em e-book) e o outro será contado por Adam - Fractura-me (ainda sem previsão de lançado). 

Montagem: Amanda
 Existem boatos de que a FOX comprou os direitos da adaptação para o cinema , mas até o momento nenhuma noticia mais conclusiva foi divulgada .


Skoob: ★★★★ (Favorito)









6 comentários:

  1. Amei a resenha!
    Te indiquei em uma tag http://coisasdegabiz.blogspot.com.br/2014/01/tag-conhecendo-blogueira.html
    Confira la ok?
    beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Gabi ...
      Vou dar uma olhada =D
      Bjs !!

      Amanda

      Excluir
  2. Eu li esse livro e amei... Boa resenha... Bjooos
    Colecionando Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Natana ...que bom que você gostou .
      Já estamos seguindo o seu blog , parabéns ele é muito bonito =D

      Excluir
  3. Adorei a resenha, mas eu odieiiiii o livro! Deuses, acabou com a Distopia e focou totalmentye no romance, e ainda por cima na parte FÍSICA do romance! Mas gosto é gosto, né?
    O blog de vocês é lindo, simplesmente amei! =*


    http://not-anerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Leticia ...jura que não gostou ???
      Olha só a Dani também não curtiu muito o primeiro livro, em compensação o segundo ela amou , a resenha de Liberta-me ela quem vai fazer . Que tal você dar uma chance ao segundo livro =D
      Obrigada ...ainda estamos começando e é muito bom saber que você esta gostando .
      Bjs
      Amanda

      Excluir